ABES

http://abes-sp.org.br/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/330350economiaagua.jpglink
http://abes-sp.org.br/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/241326diadesol2015.jpglink
http://abes-sp.org.br/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/514816banner_1.jpglink
http://abes-sp.org.br/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/611994jps080916.jpglink
Home Notícias
Notícias
Nuvem em forma de chapéu é vista no céu do Japão PDF Imprimir E-mail
Sex, 22 de Junho de 2012 11:28

Fenômeno ocorre raramente, sempre depois de fortes ventos.Nuvem rara desapareceu meia hora depois de ter sido filmada.


Esta nuvem no raro formato de chapéu apareceu sobre o Monte Fuji, depois que um tufão atingiu o Japão.

Leia mais...
 
Pipas com mensagens em prol da natureza colorem a Cúpula dos Povos PDF Imprimir E-mail
Sex, 22 de Junho de 2012 10:55

Designer Rico Lins realizou oficina com crianças e adultos durante a Rio+20.
Revoada aconteceu nesta quinta-feira (21) na Praia do Flamengo.


Cerca de 500 pipas com mensagens sobre meio ambiente e sustentabilidade coloriram o céu da Cúpula dos Povos, nesta quinta-feira (21). O trabalho de confecção delas foi feito durante duas semanas em oficinas organizadas pelos designer Rico Lins, no Parque Lage, na zona Sul do Rio.

Leia mais...
 
Texto não agradará quem se preocupa com clima, diz diretor do Pnuma PDF Imprimir E-mail
Qui, 21 de Junho de 2012 11:41

Achim Steiner não comentou futuro do Pnuma, negociado na Rio+20.
Segundo ele, texto ainda é debatido pelos governantes

 

O diretor-executivo do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma), o brasileiro naturalizado alemão Achim Steiner, disse na manhã desta quinta-feira (21), que o documento final da Rio+20 não deverá agradar aos cientistas e “aqueles preocupados com a mudança climática” e se esquivou ao responder sobre o futuro do Pnuma alegando que ainda há negociações entre os países.

Segundo ele, ficou visível que os governos decidiram dar um passo significativo para fortalecer e melhorar a plataforma da ONU para o meio ambiente, 40 anos depois de sua criação (ocorrida durante a conferência de Estocolmo, na Suécia, em 1972).

“Posso dar as boas vindas a isso. Mas ainda não posso fazer comentários sobre algo que ainda está no centro das discussões”, explicou Steiner.

O rascunho do texto final, que ainda deverá ser aprovado pelos chefes de Estado nesta sexta-feira (22), fortalece o Pnuma, mas não especifica exatamente como. O assunto deverá ser debatido na Assembleia Geral da ONU em setembro.

Preocupação global
Ele disse que a agenda ambiental de 2012 é compartilhada por todos os países do planeta e que no Rio foi possível verificar um “sinal claro e forte que as nações têm interesse na governança ambiental”.

Sobre as críticas feitas por chefes de Estado e ONGs de que o documento final da Conferência da ONU sobre Desenvolvimento Sustentável é fraco, Steiner afirmou que o mundo veio ao Rio de Janeiro “buscando progresso significativo para a agenda dos oceanos".

Segundo ele, o texto trata de questões importantes relacionadas à biodiversidade. “Há uma ação muito maior do que anteriormente na história. Mas basta um país para impedir outros 190 e tantos. (...) Essa é a realidade do multilateralismo”.

Críticas
As ONGs reunidas no Rio criaram uma petição, já assinada por mais de mil pessoas, dizendo que recusam o texto atual do documento e pedindo que “as palavras 'em concordância com a sociedade civil' sejam removidas”, como informou Wael Hmaidan, da organização ambiental Climate Action, durante a plenária realizada nesta quarta-feira (20), com a presença da presidente do Brasil, Dilma Rousseff.

Fonte: Eduardo Carvalho G1


 


 
Mineração em Carajás expõe dilema entre desenvolvimento e preservação PDF Imprimir E-mail
Qui, 21 de Junho de 2012 10:56

Vale investe em ações sustentáveis e fiscalização ao explorar minério de ferro, mas cavernas históricas correm risco.

 

Enquanto líderes de dezenas de países se reúnem no Rio de Janeiro para discutir desenvolvimento sustentável, um pedaço de Floresta Amazônica revela as dificuldades de se traduzir essas ideias em ações.

Leia mais...
 
“Mulheres são elemento-chave para o desenvolvimento sustentável”, declara Gro Brundtland PDF Imprimir E-mail
Ter, 19 de Junho de 2012 11:44

Ex-primeira-ministra da Noruega e ex-diretora da OMS, Gro Brundtland pôs na agenda internacional há mais de 30 anos o conceito de desenvolvimento sustentável. Chefiou um grupo da ONU que estudou o assunto nos anos 80 e produziu um relatório usado como base para as discussões da Rio 92


Leia mais...
 
É preciso reaproveitar o que a natureza nos dá, diz jovem premiado PDF Imprimir E-mail
Ter, 19 de Junho de 2012 10:56

Estudante de Engenharia Industrial do PR desenvolveu projeto sustentável.
Ideia foi premiada em concurso nacional e ele quer investir no 'verde'.


Cansado de respirar poluição, o estudante de Engenharia Industrial Elétrica da Universidade Tecnológica Federal do Paraná(UTFPR) Marcos Sérgio Pacheco dos Santos Júnior elaborou um projeto inovador de abastecimento elétrico móvel de veículos.

Leia mais...
 
Fotógrafo faz ensaio com árvores PDF Imprimir E-mail
Seg, 18 de Junho de 2012 13:01

O fotógrafo sul-coreano Myoung Ho Lee resolveu registrar a simplicidade das árvores colocando apenas uma tela atrás delas.Quando questionado sobre o porquê das árvores, ele explica: “Eu escolhi a árvore porque você a vê todos os dias, mas as pessoas esquecem que elas estão lá”.

 myoung09

 

Fonte: Atitude Sustentável 

 
No PR, produtores têm acesso a linha de crédito com juros menores PDF Imprimir E-mail
Seg, 18 de Junho de 2012 10:55

Incentivo é para práticas agrícolas que prejudicam menos o meio ambiente.
Integração lavoura-pecuária-floresta traz grandes benefícios.

 

Um lugar onde a floresta brota no meio do pasto e os animais têm comida farta em meio à sombra e água fresca. Parece um oásis na região mais devastada do Paraná, no noroeste do estado.

Leia mais...
 
Flora e fauna estão mais ameaçadas na Mata Atlântica, aponta IBGE PDF Imprimir E-mail
Seg, 18 de Junho de 2012 10:49

Bioma tem 269 animais ameaçados e 275 plantas que podem desaparecer.
Estudo foi divulgado nesta segunda-feira em decorrência da Rio+20.

 

Espécies de animais e de plantas localizadas na Mata Atlântica são as mais ameaçadas de extinção, de acordo com levantamento apresentado nesta segunda-feira (18) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em decorrência da Rio+20, que acontece no Rio de Janeiro.

A Conferência das Nações sobre Desenvolvimento Sustentável se prepara para entrar nesta semana em sua fase decisiva, com a reunião de chefes de Estado para decidir o documento que definirá como os países poderão se desenvolver, sem prejudicar o meio ambiente e erradicando a pobreza.

Até 2005, o Brasil tinha 627 espécies de animais sob risco de desaparecimento, sendo que 269 estão localizadas no bioma, que abrange grande parte da costa brasileira.

Da flora em extinção, 275 espécies estão localizadas nessas florestas, segundo a última lista oficial divulgada pelo Ministério do Meio Ambiente, em 2008.

De acordo com o documento do IBGE, desmatamentos, queimadas, conversão de campos para pastagens e outras atividades realizadas pelo homem são as principais responsáveis pela redução da fauna e flora do Brasil.

Áreas protegidas
Segundo o IBGE, existem atualmente no país 310 Unidades de Conservação Federais (UCs) que protegem 750 mil km² de florestas – uma área equivalente a mais de três vezes o tamanho do estado de São Paulo e que corresponde a 8% do território nacional.

Deste total, 173 são unidades de uso sustentável (aquelas que exploração são permitidas desde que haja um plano de uso coletivo definido pelas comunidades) e 137 são unidades de proteção integral – a maior parte delas localizadas na Região Norte (77%).

Espécies invasoras
Sobre as espécies invasoras que chegam ao Brasil e impactam a biodiversidade local, 40% vêm da Ásia e da África. De acordo com o estudo, são árvores frutíferas e plantas forrageiras que chegam intencionalmente e afetam os ambientes naturais.

O país também “exporta” este tipo de biodiversidade. Um dos casos, segundo o instituto, é o aguapé, planta que transformou-se em praga ao ser introduzida na África e na América do Norte, principalmente nos Estados Unidos

Fonte: G1


 

 

 
Coleta de esgoto e lixo cresce, afirma IBGE, mas ainda não é universal PDF Imprimir E-mail
Seg, 18 de Junho de 2012 10:43

Instituto pesquisou acesso dos brasileiros ao saneamento adequado.
Regiões rurais ainda têm pouco acesso à rede geral de esgoto sanitário.

 

O acesso à rede geral de esgotamento sanitário ou à fossa séptica e a coleta de lixo cresceram no Brasil, segundo uma série de dados coletados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística ( IBGE) até o ano de 2009. O estudo, no entanto, aponta que o atendimento ainda não pode ser considerado universal no país, principalmente em áreas rurais. Nesta segunda-feira (18), durante a Rio+20, o IBGE apresentou um levantamento de indicadores de desenvolvimento sustentável no país.

Leia mais...
 
«InícioAnterior681682683684685686687688689690PróximoFim»

Página 686 de 723

Eventos

«   Abril 2018   »
dstqqss
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
     
Veja mais eventos

Receba nossos informativos

Rua Eugênio de Medeiros, 242 - 6º andar - Pinheiros - 05425-900
São Paulo - SP
Mapa de localização

Tel / Fax: 11 3814 1872 e 11 2729 5510
Fale conosco

ABES-SP - Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental